Tomar uma bebida açucarada junto a uma refeição rica em proteína pode afetar negativamente o equilíbrio energético, alterar as preferências alimentares e fazer com que o corpo armazene mais gordura, de acordo com um estudo publicado em BMC Nutrition.

A Dra. Shanon Casperson, principal autora do estudo do Departamento de Pesquisa Agropecuária do USDA, Grand Forks Human Nutrition Research Center, EUA, disse: "Descobrimos que cerca de um terço das calorias adicionais fornecidas pelas bebidas açucaradas não foram gastas, o metabolismo das gorduras foi reduzido, e levou-se menos energia para metabolizar as refeições. Esta diminuição da eficiência metabólica pode "estimular" o corpo a armazenar mais gordura".

Os pesquisadores descobriram que a inclusão de uma bebida açucarada diminuiu 8% da oxidação da gordura (que dá início à degradação das moléculas de gordura) após uma refeição. Se a bebida fosse ingerida junto com uma refeição 15% proteica, a oxidação da gordura diminuía em média 7,2g. Se a bebida fosse consumida com uma refeição 30% proteica, a oxidação da gordura diminuía em média 12,6g. Enquanto que a bebida açucarada aumentou a quantidade de energia usada para metabolizar a refeição, o aumento do gasto não compensou o consumo de calorias adicionais da bebida.

A Dra. Casperson afirmou que, "Ficamos surpresos com o impacto que as bebidas adoçadas com açúcar tiveram sobre o metabolismo quando foram emparelhadas com refeições ricas em proteína. A combinação também aumentou o desejo dos participantes do estudo de comer alimentos salgados mais apetitosos durante quatro horas depois".

Os pesquisadores recrutaram 27 adultos saudáveis (13 homens, 14 mulheres), com idade média de 23 anos. Os participantes fizeram duas visitas de estudo de 24 horas. Em uma visita, receberam duas refeições com 15% de proteína (café da manhã e almoço) após o jejum da noite. Na segunda visita, receberam duas refeições proteicas (30%) após o jejum da noite. O aumento da quantidade de proteína foi compensado por uma diminuição dos carboidratos. Todas as refeições foram compostas pelos mesmos alimentos e forneceram 17g de gordura e 500 kcal. Os participantes consumiram uma bebida açucarada com uma refeição e uma bebida não açucarada com a outra refeição.

Para as medições, foi usado um calorímetro – um recinto mobilhado de 25m3 que mede o movimento, o oxigênio, o dióxido de carbono, a temperatura e a pressão, para avaliar como as mudanças na dieta afetam o gasto de energia e a forma como os nutrientes são processados pelo organismo. Ao permitir que os participantes permaneçam neste tipo de calorímetro, os pesquisadores podem determinar quantos gramas de carboidratos, proteínas e gorduras estão usando e quantas calorias queimam a cada minuto. Os participantes permaneceram dentro do recinto durante cada visita.

O Dr. Casperson afirmou: "Nossas descobertas sugerem que tomar uma bebida açucarada junto a uma refeição afeta os dois lados da equação do balanço energético. No lado do consumo, a energia adicional da bebida não fez com que as pessoas se sentissem mais saciadas. No lado do gasto, as calorias adicionais não foram gastas e a oxidação da gordura foi reduzida. Os resultados fornecem uma visão mais aprofundada sobre o potencial papel das bebidas açucaradas – a maior fonte de açúcar na dieta americana – no ganho de peso e obesidade".

As alterações dietéticas foram medidas apenas por um curto período de tempo, portanto a precaução deve ser usada ao extrapolar os dados do estudo para mudanças na dieta por longos períodos. Como este estudo foi executado apenas em adultos com peso saudável, os autores também advertem que pessoas com excesso de peso podem responder de maneira diferente às mudanças na dieta.

Traduzido por Essential Nutrition

Fonte:https://www.biomedcentral.com/about/press-centre/science-press-releases/21-07-17


“As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e não devem ser um substituto para o profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Procure sempre o aconselhamento do seu médico ou outro prestador de cuidados de saúde qualificado com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Nunca desconsidere o conselho médico ou demore na procura por causa de algo que tenha lido em nosso site e mídias sociais da Essential.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Avise-me We will inform you when the product arrives in stock. Just leave your valid email address below.
Email Quantity We won't share your address with anybody else.